Share

Dia 29 de Outubro de 1810 a Real Biblioteca Portuguesa foi transferida para o Brasil, quando então foi fundada a Biblioteca Nacional e esta data escolhida para o DIA NACIONAL DO LIVRO.

Para comemorar esse dia maravilhoso o SP ROAD fez uma matéria com as principais Bibliotecas e  Livrarias da cidade, assim você pode aproveitar o dia do livro da melhor forma: Lendo!

BIBLIOTECA MÁRIO DE ANDRADE 

Biblioteca Mário de Andrade (BMA) é a principal biblioteca pública da cidade de São Paulo, Brasil. Fundada em 1925, a partir do acervo da Câmara Municipal, consolidou-se ao longo de sua história como uma das mais importantes instituições culturais brasileiras. Seu edifício-sede, localizado no centro histórico da capital paulista, é considerado um dos marcos arquitetônicos do estilo art déco na cidade.

De dezembro de 2007 a outubro de 2010, a Biblioteca passou por profunda reforma que envolveu, além das intervenções no edifício, também o restauro do mobiliário, a desinfestação de parte do acervo de livros e a higienização e a reorganização física de todo o acervo.

Em 21 julho de 2010, antes do término da reforma de todas as áreas do edifício, a Circulante foi reaberta ao público, oferecendo, então, além de um espaço atraente e adequado, um acervo de mais de 42 mil volumes atualizado e informatizado e um amplo horário de atendimento. Isso fez com que, de imediato, a Circulante recebesse mais de 700 usuários por dia. 


Onde? Rua da Consolação, 94 – Centro – SP
Horário? 2ª a 6ª, das 8h30 às 20h30. Sábado, das 10h às 17h. Fecha aos domingos e feriados
 

BIBLIOTECA MONTEIRO LOBATO

A Biblioteca Infantil Municipal foi criada em 14 de abril de 1936 como parte de um amplo projeto de incentivo à cultura elaborado por um grupo de intelectuais liderado por Mário de Andrade, então diretor do Departamento Municipal de Cultura.

É a mais antiga biblioteca infantil em funcionamento no Brasil e precursora de outras similares, tanto no município como no interior do estado de São Paulo, graças à educadora Lenyra Camargo Fraccaroli, que, além de dirigir a biblioteca até 1960, também incentivou e supervisionou a construção de bibliotecas infantis em vários bairros da capital.

A biblioteca começou em uma casa na Rua Major Sertório, onde se iniciaram atividades para atrair as crianças em torno do livro e da leitura, tais como: coleções de selos e moedas antigas, sala de jogos, sala de revistas, A Voz da Infância (jornal feito pelas crianças), hora do conto e sessões de cinema sonoro. O escritor Monteiro Lobato vinha à biblioteca contar histórias para as crianças.

O espaço ficou pequeno pela alta freqüência de crianças e, em 1945, a biblioteca mudou-se para a antiga casa do senador Rodolfo Miranda, na Rua General Jardim, onde hoje existe a praça da biblioteca.

Em 1955, a biblioteca passou a denominar-se Monteiro Lobato em homenagem ao escritor que tanto encanta crianças, jovens e adultos.

Onde? Rua General Jardim, 485 - Vila Buarque – SP
Quando? 2ª a 6ª feiras das 8h às 18h, sábados das 10h às 17h. Fecha aos domingos e feriados
 
 

CENTRO CULTURAL SÃO PAULO

As quatro Bibliotecas do Centro Cultural São Paulo abrigam um dos mais significativos patrimônios bibliográficos do país.

Biblioteca Sérgio Milliet

Destacam-se obras nas áreas de literatura latino-americana, filosofia, religião, ciências sociais e história. Possui seções especializadas em artes, hemeroteca, recursos audiovisuais e banco de peças teatrais.
Onde? Rua Vergueiro, 1000 - Paraíso – 01504-000
Telefone:  11 3397-4003 e  11 3397-4074 ou 4075
Horário: 3ª a 6ª feira das 10h às 20h (entrada permitida até às 19h30) sábados, domingos e feriados das 10h às 18h (entrada permitida até às 17h30) bibliotecaccsp@prefeitura.sp.gov.br

Biblioteca Louis Braille
Planejada e equipada para atender a portadores de deficiência visual, reúne em seu acervo livros didáticos, técnicos, literários, infanto-juvenis e periódicos em braile e áudio. A Biblioteca também atua como editora, produzindo livros em braile e livros falados. Possui computadores adaptados para que os deficientes visuais tenham acesso à internet.
Onde? Rua Vergueiro, 1000 - Paraíso – 01504-000
Telefone:  11 3397-4088
Horário: 3ª a 6ª feira das 10h às 20h (entrada permitida até às 19h30) sábados, domingos e feriados das 10h às 18h (entrada permitida até às 17h30) bibliotecabraille@prefeitura.sp.gov.br

Gibiteca Henfil
Criada em 1991, na Biblioteca Viriato Correa, ganhou um novo espaço a partir de 1999, com sua reinauguração no CCSP. Sua coleção tem mais de 8 mil títulos entre quadrinhos, fanzines, periódicos e livros sobre histórias em quadrinhos.
Onde? Rua Vergueiro, 1000 - Paraíso – 01504-000
Telefone:  11 3397-4090
Horário: 3ª a 6ª feira das 10h às 20h (entrada permitida até às 19h30) sábados, domingos e feriados das 10h às 18h (entrada permitida até às 17h30) gibiteca@prefeitura.sp.gov.br

Discoteca Oneyda Alvarenga
Criada em 1935, por Mário de Andrade, possui acervo especializado em música erudita e popular, nacional e estrangeira, constituído por livros, partituras, discos de 33 e 78rpm e CDs.
Onde? Rua Vergueiro, 1000 - Paraíso – 01504-000
Telefone:  11 3397-4071 ou 4072
Horário: 3ª a 6ª feira das 10h às 20h (entrada permitida até às 19h30)sábados, domingos e feriados das 10h às 18h (entrada permitida até às 17h30) discoteca@prefeitura.sp.gov.br

LIVRARIA CULTURA

Com mais de 60 anos, Livraria Cultura é referência de qualidade no mercado nacional

Uma história de sucesso empresarial. Assim pode ser definida a trajetória da Livraria Cultura, que completa 64 anos de atividades. A empresa, fundada em 1947 por Eva Herz, segue levando para as 13 lojas espalhadas pelo Brasil o maior acervo de títulos do mercado, ao lado do reconhecido atendimento ao cliente aliado a entretenimento de alta qualidade.

As instalações no Conjunto Nacional, em São Paulo, onde a Cultura está desde 1969, ocupam o espaço em que funcionava o tradicional Cine Astor. A loja, inaugurada em maio de 2007, é a maior livraria do país, com 4.300 metros quadrados de área distribuídos por três pisos. Quando esta nova unidade foi aberta, os antigos quatro pontos da Cultura que ficavam espalhados pelo Conjunto foram fechados. Em dezembro de 2007, porém, um deles foi reaberto. O local foi totalmente reformado para abrigar exclusivamente o setor de Artes. Em setembro de 2008, outro foi reaberto para inauguração de uma loja com conceito inédito de varejo customizado. Batizada de Companhia das Letras por Livraria Cultura, a loja vende somente livros dessa editora (o catálogo tem mais de 2,5 mil títulos), mas toda a administração, atendimento e comercialização são feitos pela Cultura. Em junho de 2009, mais um antigo ponto foi reaberto com o mesmo conceito de varejo customizado: Instituto Moreira Salles por Livraria Cultura. E, em novembro, a terceira loja com o mesmo conceito foi inaugurada: Record por Livraria Cultura.

Onde? Av. Paulista, 2073 - Bela Vista – SP (Metrô Consolação)
Quando? Segunda a Sábado – 9h às 22h. Domingos e Feriados – 12h às 20h
 
 

LIVRARIA DA VILA

A Livraria da Vila completa 25 anos de vida em abril de 2010.  Umas das livrarias mais charmosas de São Paulo. Com sete unidades, delicioso café, acervo especial e um local acolhedor!

Fradique Coutinho 
Rua Fradique Coutinho, 915
(11) 3814-5811
 
 
 
Lorena 
Alameda Lorena, 1731
(11) 3062-1063
 
Shopping Cidade Jardim 
Av. Magalhães de Castro, 12000
(11) 3755-5811
 
Moema 
Av. Moema, 493
(11) 5052-3540
 
Shopping Higienópolis 
Av. Higienópolis, 618
(11) 3660-0230
 
Jk Iguatemi 
Av. Juscelino Kubitschek, 2041
(11) 5180-4790
 
Galleria 
Rod. Dom Pedro I, S/ Nº
(19) 37665160
 
 

LIVRARIA MARTINS FONTES

Ao longo de seus 52 anos de existência, a Martins Fontes consolidou-se como uma das mais importantes e respeitadas empresas do cenário livreiro nacional. Com duas livrarias em São Paulo, um no Rio de Janeiro e agora também em Belo Horizonte.

Na Livraria Martins Fontes da Praça do Patriarca, em São Paulo, além de desfrutar a leitura de boas obras, é possível fazer uma pausa para degustar um estimulante café, no Café Lutetia.

A Loja da Martins Fontes da Alameda Jaú, também em São Paulo, preços e ofertas promocionais em livros de renomadas editoras, nacionais e internacionais.

Livraria Martins Fontes Jardins

Onde? Alameda Jaú, 1742. Jardins – SP
Horário: segunda á sexta das 9h as 18h30 

Livraria Martins Fontes Patriarca e Café Lutetia

Onde? Pca do Patriarca, 78. Centro – SP
Horário: segunda á sexta das 9:30h as 18:30h sábado: 10h ás 14h 
Share